7 de abr de 2017

BECO SEM SAÍDA





(Foto de Jan Saudek)



85.



Cultuas os mortos 

que juntos morreram no grande desastre.

Veleidades, apenas:

A morte é sempre morte, não importa

quantas vidas se vão, não importa

se contadas às centenas,

ou se apenas um bebê que morre à noite,

em seu berço solitário.





Nenhum comentário:

Postar um comentário