4 de set de 2009

poemas da guerra - 5


5. 

quando



quando a américa recebe

os sacos negros com os corpos

de seus heróis...


quando a américa chora

por sobre os sacos negros com os corpos

de seus heróis...


quando a américa desespera

a morte negra em casulos despejados

de container de navios...


quando, ah! quando a américa chora,

turvam-se seus olhos

para a viúva que ficou além-mar,

para a mãe que não tem mais o que chorar,

para o irmão sem rumo em busca de outro irmão,

para o pai que enterra mais um filho...


enquanto a américa chora,

quantas vidas por viver

traz consigo

cada casulo negro que chega?

(Van Gogh)

Nenhum comentário:

Postar um comentário