10 de dez de 2017

não se matem



(Paula Rego)




não se matem uns aos outros

que o não se matarem garantirá

não a vida eterna no céu do profeta

com as tais setenta mil ou oitenta mil

ou sei lá quantas mil virgens

mas que o teu neto te beije um dia o rosto

e ilumine a tua vida miserável

com a inocência de quem não sabe

nem o que disse o teu profeta

nem o que são sei lá quantas mil virgens



25.11.2017

Nenhum comentário:

Postar um comentário