9 de set de 2016

milonga




(Fabian Perez )




meio borracho

depois de um litro e meio de vinho

quero dançar com você

numa tasca de mendigos e bêbados

num sujo bairro de buenos aires



quero dançar com você 

uma milonga de arrepiar

e quando suas milonguíssimas pernas

com minhas bebedíssimas pernas trançarem

cairei contigo na pista

e ali mesmo tentarei te beijar



então a orquestra em gargalhada

recomeçará a mais longa das milongas

enquanto tu

extremissimamente vexada e irritada

colocará sobre meu peito

o salto número 15 de teu sapato



e tuas pernas milongamente nuas

a traçar no ar malcheiroso

a cruz dos meus tormentos

servirá de ensejo aos meus temores

transformados enfim na última possibilidade

de que reencontre um pouco de dignidade




27.8.2016



Nenhum comentário:

Postar um comentário