21 de jul de 2010

POEMAS DE LOUCO AMAR - 11


Em teus olhos me prendo











Em teus olhos me prendo,
Livre coração que eu era.
Incendeiam-me teus cabelos.
Sóis de galáxias distantes,
Atraem-me teus seios de luz.
Beijo-te em sonho quando durmo,
Em pensamento estás sempre comigo.
Tudo prometes e nada tenho,
Embora te ame mais que à própria vida.



9.12.92



(Ilustração: Picasso)

Nenhum comentário:

Postar um comentário