24 de fev de 2016

AMAR-TE É TRAMA



21


o velho


(Peter Fendi - selbsporträt, 1830)




olhei-me de longe
no espelho
não reconheci
o velho
quase gordo e meio calvo
os olhos
tão tristes e tão calmos
não eram
o que eu queria rever

devagar
então me aproximei
olhando-me
desconfiado e de esguelha
mais e mais
já olho no olho de tão perto
e lá no fundo
finalmente eu vi - no fundo de meus olhos
no fundo de mim
o velho de agora no jovem de outrora.


24.9.2014


Nenhum comentário:

Postar um comentário