22 de abr de 2010

POEMAS DO MUNDO: lugares... caminhos... 1






Se teus horizontes
ficam cada dia mais próximos;
se tuas dores
cada vez mais agudas,
se tens cada vez mais tempo
do tempo - pouco - que te resta;
se te sobram sombras sobre os olhos
e há fel em tua boca;
se dos teus restam apenas
negativos não revelados;
se dos teus sonhos o branco entretece
sombras vagas e vazias;
se vês de ti apenas o ontem
no espelho partido da memória pálida;
se negas a ti mesmo o passo trêfego
em busca do caminho já percorrido;
se pensas apenas no que ter sido deveras
e lastimas a vida que não viveste...

então - sombra rude em campo de trigo -
estás a colher do grão que não plantaste
e esperas somente da colheita
seres de ti mesmo o joio.


30.10.89

(Ilustração: foto de Obolenski)

Nenhum comentário:

Postar um comentário